A carregar
A carregar

Impregnados de emoção, regressamos às vitórias

Por: LSC   |   30-11-2020  |  Voleibol   |  
  |  
  |     |  

Numa semana que marca algum peso competitivo, com a realização de 4 jogos, a equipa Sénior Masculina de Voleibol cumpriu mais uma jornada dupla.

A contar para a 10.ª jornada do campeonato, a Armada do Mar defrontou a equipa do Esmoriz GC num jogo em que, apesar de alguns ajustes notórios, a toada de entrada forte da equipa leixonense que a dado momento acaba por ter uma quebra mental, física e anímica não conseguindo aplicar todos os seus predicados e ADN Leixonense manteve-se, o que veio a ser decisivo no resultado final. Apesar da boa entrada no jogo e do equilíbrio registado nos dois primeiros sets, onde se registava 1-1 no marcador, o jogo acaba por ficar marcado pelo desajuste e má entrada no 3.º set, por parte do Leixões, que deu o mote para o desfecho negativo, Esmoriz GC – Leixões SC, 3-1 (25-22, 23-25, 25-15, 25-15).

Já no segundo jogo da jornada dupla, 11.ª jornada do Campeonato, impregnados de emoção, dada a comemoração do 113.º Aniversário e também do fatídico acontecimento com uma das referências do clube, Vítor Oliveira, a equipa leixonense entrou na quadra cheia de vontade de conquistar a vitória e assim fazer jus à sua maior qualidade e também honrar e dedicar os pontos conquistados.

Foi o que aconteceu, num dos jogos mais estáveis da época a nível competitivo  a turma leixonense soube manter sempre o foco no plano de jogo e objetivo final, consubstanciando estes fatores ao resultado final. Vitória para o Leixões que coloca fim a diversas jornadas de jejum no que à conquista de pontos e vitórias diz respeito. Leixões SC – Nacional de Ginástica, 3-0 (25-13, 25-15, 25-19).

João Pedro Vieira no final: “Foi mais uma jornada dupla, numa semana em que realizamos 4 jogos, em que também íamos por à prova a nossa resistência e condição física, aliada a capacidade de evolução da equipa. 

O 1.º jogo contra o Esmoriz teve duas partes distintas. Nos dois primeiros sets jogamos bem, com grande capacidade coletiva, e um jogo eficaz nas várias ações de jogo. O jogo estava empatado 1x1, mas uma entrada no 3.º parcial com erros sucessivos, em que o adversário manteve um serviço/bloco forte e pressionante, fez com que o jogo ficasse desequilibrado. Tivemos dificuldade em reagir mentalmente e fisicamente e não conseguimos voltar a atingir o bom nível de jogo inicial.

No domingo foi o nosso jogo mais estável, sem quebras de rendimento apesar do cansaço acumulado. Mentalmente mantivemos o foco e a concentração no plano de jogo, bem como nas ações individuais e coletivas. A equipa fez por merecer a vitória. Dedicamos esta vitória ao nosso Clube dando os parabéns pelos seus 113 anos de muitas histórias e glórias, e também ao Vítor Oliveira, um filho da terra, muito acarinhado por todos nós na Família Leixonense e que irá deixar muitas saudades. Sentido abraço.”